A presença online é um dos objetos de desejo mais cobiçados da última década. Afinal, quem não deseja ter seu trabalho reconhecido por todo o país, quem sabe até mesmo todo o mundo?

Esse é o poder de disseminação que a internet proporciona.

É possível estar presente na internet através de muitas formas diferentes mas, sem dúvida, a que mais se destacou nos últimos anos foi o formato de vídeo.

Atualmente, possuir um site ou blog para centralizar as informações é o mínimo que se espera.

Por outro lado, criar conteúdo em vídeo é um diferencial que nem todos se dedicam a manter, ainda que esse tipo de conteúdo venha se tornando cada vez mais imprescindível.

Por que conteúdo em vídeo?

Você já deve ter ouvido falar que “uma imagem vale mais do que mil palavras” – é um ditado antigo, mas se isso for realmente verdade, “um vídeo vale mais do que mil imagens”.

Comecei a escrever para o meu blog em 2011, e é notável o quanto a minha presença online e carreira na internet se modificou depois que comecei a investir em conteúdo em vídeo, especialmente para o YouTube. Isso trouxe reconhecimento e crescimento para o projeto.

Na minha visão, isso se deu porque vídeos criam intimidade com as pessoas. No geral, os usuários estão saturados de empresas querendo vender seus produtos a todo custo. Estão cansados, inclusive, de pessoas e empresas que aparentam interesse ou fingem um estilo de vida visando vendas e lucro.

Mais do que nunca, em um mundo digital como o nosso, as pessoas buscam conexões. Verdades nas amizades e relações de respeito e reciprocidade. Infelizmente, é uma tarefa árdua, senão quase impossível, transmitir todos estes sentimentos de forma tão clara somente através do texto.

Enquanto você está lendo este texto, há uma “voz” na sua cabeça narrando essa história. Essa pode ser a minha voz, caso você me conheça e lembre como eu falo; essa voz pode ser a sua própria (o que é bem provável).

O que não é possível, no entanto, é transmitir uma noção clara da entonação que dou ao meu discurso: se estou feliz (o quão feliz), se estou com a voz cansada, se estou nervoso, etc.

Interpretação de texto vai além de saber ler entre pontos, parágrafos e grafismos. Um simples “Oi”, quando falado, pode significar muitas coisas. Seres humanos sabem ler gestos e contexto e, o mais importante, se identificam com pessoas que agem, pensam e executam de forma semelhante às suas. Daí a relevância do conteúdo em vídeo.

Analisando pelo lado da praticidade, os vídeos são mais fáceis de serem consumidos. Eles podem contar com apelo visual e narração, e isso facilita o consumo rápido de material e informação nestes dias corridos. Se o seu cliente não puder parar para ler o seu texto, isso pode ser um problema.

Potencializando clientes

Ninguém, em sã consciência, compra algo sem ver, testar e, desde que existe a internet, sem ao menos ver uma “review”.

Independente do tipo de negócio que você tenha, seja ele totalmente digital ou não, produzir conteúdo em vídeo vai chamar a atenção dessas pessoas.

Você pode mostrar para os seus clientes como é o dia a dia da sua empresa. Isso transparece que ela é feita de pessoas de verdade que realmente se importam em encontrar soluções para outras pessoas.

Não tenha medo de entregar conteúdo. Esse é o tipo de ‘marketing’ mais forte que você pode querer utilizar. Entregue conhecimento de valor para as pessoas de forma gratuita e você verá o sentimento de reciprocidade acontecer.

Começar a produzir conteúdo em vídeo foi um grande agente de mudança na minha vida e tenho certeza que será na sua também.

[Escrito por Dionatan Simioni – via HostGator]



 

COMPARTILHE ESSE CONTEÚDO...